sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Cacifo-polibã ao poder!



Já não sou como dantes. Dantes ia toda vestida para o chuveiro. Trocava os ténis pelos chinelos. Pegava na toalha e no shampoo, mas ia vestidíssima até aos chuveiros. 

Vinte e um quilos depois, pelo menos já dispo a T-shirt. Na parte de cima já vou só de soutien. No entanto, ainda não consigo deixar as calças no cacifo. Lá vou eu de soutien desportivo e calças de fato-de-treino para o chuveiro. 

É a mente de uma pessoa gorda. De uma pessoa que, durante anos, teve vergonha de mostrar o seu corpo. Não sei se alguma vez vou conseguir quebrar a barreira das pernas. Sempre foram o meu grande busílis. Acho-as muito brancas, para começar, e depois, claro, celulite! Buuuh para essa malvada!

Depois, ao regressar do banho, é ver-me toda enrolada numa toalha gigante a levar com mamas alheias na cara a tentar chegar ao meu cacifo. Eu gosto de mamas. Das minhas. Com a das outras posso eu bem passar sem ver…

Na Rapid Fit & Well, onde faço as sessões com o fato de electroestimulação muscular, outra das mais-valias (são muitas, eu sei!) é o facto de o cacifo onde deixamos as nossas coisas ser também o sítio onde vamos tomar banho. É assim uma espécie de cacifo-polibã. Uma pessoa tem espaço para se vestir, para deixar as coisinhas e, claro, para tomar banho e estar nua à vontade!
Apesar de os balneários serem à Ally McBeal (leia-se, mistos), cada “mica” (como lhe chamo) tem tanta privacidade que nem pensamos se o vizinho do lado é homem ou mulher.


Não sei se há mais ginásios assim, mas, pelo menos por onde tenho andado, este é de facto muito único nesse campo. E a gordinha que há em mim adora a privacidade extra!

Catarina

7 comentários:

As Coisas Dela disse...

Na minha opinião deviam ser todos assim, até nas escolas!!!

Green disse...

Entendo que tenhas esse preconceito, eu não tenho, nunca tive, mas acredito que isso seja algo pessoal. Andei na natação desde os 7 anos e acho que isso ajudou, porque desde tenra idade sempre usei balneários com pessoas de todas as idades, do sexo feminino claro, e não me faz confusão despir à frente de outras pessoas do mesmo sexo, aliás, faço isso no ginásio.
Quanto a esses balneários modernos e com cabines individuais, não conhecia e acredito que tenham as suas vantagens, mas eu cá gosto do convívio do balneário, acho que nos faz bem :)

Girl in the Clouds disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Girl in the Clouds disse...

Por acaso no balneário sou muito descontraída, como não julgo as outras meninas, nem estou a olhar se são gordas ou magras, vestiu-me e despiu-me sem pensar em nada. Também acho que o convívio no balneário é agradavel!

O Biquíni Dourado disse...

Oh yeah! Ao PODER! =D

Um beijinho dourado

O Biquíni Dourado disse...

Sabes que olhei para trás no tempo e pensei "caramba, eu também andei na natação desde os 5 anos. De onde raio vem esta minha aversão a pessoas no balneário??" e depois lembrei-me! É que o balneário nas piscinas onde aprendi a nadar também eram cacifo-polibã! pronto, o trauma vem da infância, pois claro! ;)

Um beijinho dourado

O Biquíni Dourado disse...

Eu também não julgo, mas tenho mente de gorda e acho que todos me julgam! ... Também tenho consciência que o "defeito" é meu! Mas também é verdade que me sinto mais à vontade no cacifo-polibã! ;)

Um beijinho dourado

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...