terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Espécie de aulas de Ciências da Natureza na Rapid FIT & WELL


Pronto, já se sabe. Uma menina das Letras como eu nunca foi de ligar muito a matemática, nem a física, nem a química, nem a ciências da natureza... Logo, tratar do meu corpo humano por vezes é difícil. 

Quando quero dizer a alguém que me dói certa parte do corpo, uso termos tipo "bunda", "nalga", "aqui" ou "pfff-ui!". Ora, uma das coisas mais interessantes de treinar com recurso à electroestimulação muscular (EM) é a atenção que tem que se dar ao corpo. Literalmente.


A EM é feita através de um fato que vestimos e que usamos enquanto treinamos. Até aqui, não vos dou nenhuma novidade. O fato tem todo ele eléctrodos, e são esses eléctrodos os responsáveis pela tal estimulação extra dada aos músculos. (Palavra-chave deste parágrafo: MÚSCULO.)


O treino só começa depois de o Hugo, o meu PT da Rapid FIT & WELL, "afinar" os eléctrodos, ligando-me, literalmente, à máquina. (Não é muito bonito de dizer, verdade, mas é o que é!) 

Já há um registo prévio das potências dos eléctrodos de treinos anteriores, mas, por a zona poder estar mais sensibilizada ou até menos molhada, é preciso, de todas as vezes que começamos a treinar, testar se estamos ou não a sentir a potência dos eléctrodos de todo o corpo onde o fato "toca".


Esta espécie de computador onde o fato é ligado, que a equipa da Rapid chama de Amália, é onde se afina a intensidade dos eléctrodos durante o treino.

É nesta parte que se me começam a falhar as aulas de ciência e rogo pragas à adolescente que costumava dizer "Eu nunca vou precisar disto, que eu vou é estudar Línguas!"... 

É que, se eu tivesse tido o mínimo de atenção naquela altura, hoje saberia que a omoplata NÃO é um músculo e que, como tal, é impossível sentir o fato na omoplata. "É o trapézio", corrigiu-me o Hugo (já vos disse que ele tinha muita paciência). Ou que a tíbia NÃO fica na anca (fogo, Catarina, que vergonha!)...

Entretanto, já começo a perceber que o termo técnico não é "aqui", mas sim "músculo flexor da perna"; ou que "pança" é "abdómen" e por aí fora...

É como voltar às aulas de ciência, com a certeza, porém, que, desta vez, me interesso e vou guardar a informação, para proveito próprio!

Catarina


8 comentários:

Ana Sofia disse...

Parece mesmo um treino super completo! Não desanimes, vais sempre a tempo de aprender seja o que for ;)
Beijinhos,
An Aesthetic Alien | Instagram | Facebook

As Coisas Dela disse...

Estamos sempre a aprender :)

Jennifer Gama disse...

Nossa que interessante aprendendo assim até estimula a continuar.

O Biquíni Dourado disse...

Se é! =D Tens de experimentar.

Um beijinho dourado

O Biquíni Dourado disse...

haha! Sim! =D E coisas úteis, claro! =D

Um beijinho dourado

O Biquíni Dourado disse...

é isso, Jennifer!

Um beijinho dourado

Green disse...

Há quem defenda que estamos sempre a aprender, e é verdade :)

O Biquíni Dourado disse...

e eu bem tenho aprendido neste último ano! =)

Um beijinho dourado

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...